- »

outubro 01, 2010

Presta atenção

E aí dançamos. Dançamos, pelo chão, a tarde toda. "Comi a Mia de novo. To apaixonada, meu... pqp.", digitei para a Marina conforme descia as escadas, passando pela entrada do prédio onde eu havia passado metade daquele dia frio. Do caralho, porra. É, eu era simplesmente a garota mais feliz de São Paulo. Não conseguia parar de sorrir, tonta, andando pelas ruas escuras como uma esperta que se acha mais leve do que o ar. Ridícula, mas que se dane.

Consegui pegar um ônibus exatamente no espaço de tempo que a Mia chutou que ele passaria - no máximo, 5 minutos -, me sentindo realmente com sorte, e sentei toda satisfeita em uma das cadeiras encostadas lá no fundo. Uma curiosidade momentânea acerca do horário cruzou a minha mente. Quem sabe onze e meia... mas talvez já passasse até da meia-noite, sei lá. De um jeito ou de outro, já estava tarde e eu não tinha sono algum. Não com aquela empolgação - bobinha - que circulava pelo meu corpo inteiro.

Como era de se esperar, o ônibus dava uma considerável volta para chegar no não-tão-longe-assim. Me esparramei sem pressa no banco, apoiada confortavelmente contra o encosto, olhando para o lado de fora e para as luzes da cidade que eu tanto amava. O frio e o horário deixavam a Av. Paulista vazia. E linda, linda pra caralho. A imagem da Mia naquela tarde voltou à minha cabeça. Tão viva que eu quase podia senti-la ao alcance dos meus dedos, que agora percorriam o vidro gelado da janela do ônibus, toda riscada, judiada pela má educação urbana. 


E podia vê-la, a Mia, observando silenciosamente o quarto ao redor enquanto fumava um cigarro. Um dos meus. Sentada sem roupa ao meu lado, com os cabelos soltos cobrindo parte das suas costas bem-traçadas, completamente confortável com a minha presença ali. Assim, um estar junto, mas sem encostar e nem fazer grande coisa disso... um bem-estar compartilhado, tranqüilo.

Minha mão corria as luzes de São Paulo, como percorria o seu corpo... enquanto os semáforos e letreiros refletiam coloridos na janela, eu fechava os olhos e lembrava de como era tê-la assim tão perto de mim. Como aquilo me fazia feliz, puta que pariu. E era justamente aí que estava o perigo... esse vício inevitável dela, aquela abstinência recorrente de serotonina, prestes a sair de vez do meu controle.

E ia sair - disso eu tinha certeza. O que não quer dizer, é claro, que em nenhum dia desde que eu havia me metido naquela confusão, há meses, eu havia tido qualquer forma ou sentimento minimamente semelhante a "controle". A questão, agora, é que o ponto de retorno tinha sido, enfim, ultrapassado. E era isso, esse era o perigo. Eu sentia que estava indo, indo sem volta - sem ter como. E sabia que ia complicar - é, ainda mais -, mas tudo o que vinha à minha mente era ela. Ahh, ela. E aquela tarde e a noite que a antecedeu. E todas as outras, as outras vezes, as que vieram antes dessa. Tudo.

Tudo o que era nosso - e eu gostava em demasiado de ter qualquer coisa só minha e dela, é claro. Lembrei de algo que ela disse, sem sentido com o contexto, numa linha de pensamentos desconexos a seu respeito, algo sobre os membros da staff da Sarajevo, e ri sozinha no fundo do ônibus. Ah é, a festa... quase havia me esquecido, envolta nas minhas divagações babacas e apaixonadas. O aniversário dela. O mesmo que foi motivo de debate por minutos a fio entre nós duas, eu e ela nuas, deitadas sobre o tapete da sala.

Não queria ir. Gostava da Sarajevo e gostava demais da Mia, evidentemente... só não era fácil - e eu queria me poupar disso. Poupar o mundo inteiro, aliás, que não precisava saber da minha dificuldade em ficar perto da namorada do meu melhor amigo. Não queria que meia capital paulista visse isso estampado na minha cara quando eu estivesse absurdamente bêbada, perdida pela pista, odiando os braços dele ao redor dela.

Depois penso nisso, decidi ao sair do ônibus e descer numa Augusta abandonada. Nem as putas estavam com muita coragem de enfrentar aquele frio do cão, àquela hora da noite, sem um carro ou uma alma viva sequer nas ruas. Para qualquer lado que se olhava, para cima ou para baixo daquela ladeira de renome, o vazio se fazia notar brutalmente. Era até incômodo ver a Augusta assim. Não fazia sentido e
também não me parecia  lá muito seguro - não para uma garota sozinha, vai saber.

Então, apertei o passo. Comecei a descer o tanto de calçada que faltava, sentindo o vento cortar os meus braços descobertos, que se encolhiam cruzados em frente ao meu corpo. Devia ter trazido a porra da jaqueta, pensei pela milésima vez naquele dia, me torturando sem muito propósito. Foi quando o meu celular tocou. Por um ou meio segundo, o que avisava a chegada de um SMS. Que só podia ser da Marina, óbvio, pagando um pau federal para as minhas peripécias numa resposta longa e animada - segundo pressupôs a minha prepotência toda. E isso me encorajou a esticar o braço no frio para alcançar o aparelho no bolso de trás da minha calça.

No entanto, o primeiro relance nas poucas e nada amigáveis palavras que compunham a mensagem, me fizeram repensar. Não o remetente da mesma, porque isso estava escrito logo ali embaixo, mas o destinatário da outra, da que eu havia mandado enquanto descia pelas escadas do prédio da Mia. E aí, inferno, eu percebi a grande merda que eu fiz.

44 comentários:

giulia disse...

QQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQQ


não, não é o que eu estou pensando. diz que não :SSSS

Talu disse...

PUUUUTAQUEPARIIIIIIIU! /o\

Mah disse...

NÃO ACREDITO que vc terminou o post desse jeito, Mel!!!!! Que que eu faço com a minha curiosidade agora???????? >.< hahahaha

Dê disse...

Moooooorta com esse post. Ah os devaneios do amor... parabéns pelo lançamento do livro Mel. Aaaaaí, eu preciiiiiiso de um post novo! Mto curiosa com esse lance desse SMS!

@fiktiva disse...

fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu :S

Monique disse...

NÃOOOOO, ELA NÃO MANDOU PRA QUEM EU TO PENSANDO... AAAAAAAAAAAAAAHHHHH, FALA LOGO. NOSSA... :( Não para assim o post poxa...

@giiturioni disse...

Não, meu, sério, diz que HOJE você vai postar outro, diz! Me deu até um frio na barriga agora.

Pathy disse...

Tu é Fooda em Mel, terminar o post assim??!Ain.. lá vem bombaa!!hehe

Ahh, muito agradecida de vc ter postado do trampo!!hauhauahuahuahau


Parabéns pelo livroo!!

P.S.: Onde eu compro e como faço pra ter um autografo??hahauh ;)

Ed disse...

Caraca MeuL,rsrsr

Vale apena cada tempo de espera, cada desespero q toma conta de mim, tdooooooooooooo...

Coraçãoooooooo na boca, sera q ela mandou pra ele????!!! Quem sabe?!

....A Mel, claro.kkkkkkkkkkkkk

É UMA das sensações mais fascinantes quando ficamos boba, e leve depois de um momento tão inexplicavel.

É FODA!

Ed - João Pessoa - PB.

Anônimo disse...

ahaha genial!

Rayssa disse...

HAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHA
aaaaaaaaain Serio?msn trocado?HAUAHUAH
aaaaiin quero ver a resposta da Mia,adoooooro quando brigam T1T1T1
eu acho que ela deveria ter errado mais,sei la enviado pro fer,ai sim ia ser foda hauha
tah parei, aaaaain perfeito como sempre Mel x3
nhaan eu nao to entendendo o lance do livro e parabens que estao te dando hm' mas er parabens tbm hauhau e neah aaaaaaaain

#NoellyHot voolta logo T1 - claro depois de curtir hoooorrores ai hauh e me trair aos montes porfavor?? *-*-

tammy disse...

Ai caralho!

Fudeu!!!

=/

Anônimo disse...

to cagando de rir.

Sarah do Vale disse...

Genial! Tenso! PORRA! kkkkkk Demais Mel!

smss salvando e fodendo vidas á alguns anos! kkkk
E sms com destinatário errado então!?

Bacana o post ^^

Dea disse...

quando eu comecei a ler o antepenúltimo parágrafo, acompanhando as descrições da rua vazia, pensei: de duas, uma, ou ela vai ser assaltada ou vai dar merda com o sms. e não que você seja previsível, porque só os viciados em FM sabem o quanto você não o é... eu é que adoro acabar com a graça de tudo ¬¬ deu até um embrulho no estômago, cara. eu já terminei um namoro assim, pra vc ter idéia. um dos... no bar eu te conto, haha!

=*

grazi disse...

CARAAAAAAAAAALHO!

ps: juro q so consigo falar isso!

Jade Lopes disse...

meeeeeeeeu ><

Monica disse...

NO WAY :O


cara...putaqueopariu

ela mandou o sms pro Fer kkkkkkkkkk

caiu a ksinhaa da guriaa agoraan!

fizz a msm merda semana passadaa...e qse q o meu amigo perde a noivaa...com queem vaii casar dia 9 agoraa... SHIT HAPPENS!

mew...preciso ver o q vaii rolar...logo..now...Mel...ajudaa kspaokspkapkspka

taah d+ esta bagaçaa

BGS//

ps: Feliz Aniversario Tuccao manolaa... Te amo caraa ♥

Júlia Gallant disse...

hahaha classic mistake! quem nunca mandou sms errado - justo pra quem nao podia - que atire a primeira pedra haha

Júlia Gallant disse...

Imagino as poucas e nada amigáveis palavras "vai... tomar... no seu... cu." hahah

juliana disse...

post maravilhoso mel arrasou mais uma vez éeeeee

agora é espera o proximo post :)

parabéns pelo lançamento do livro ♥

ps: cade aturma do CHAT CDS :)

Cogumela =) disse...

#RINDOMUITO

Bem, acho melhor ela ter mandado para a Mia e não pr'o Fer.

Tchê... é a minha cara fazer isso!
Aliás, acho que da maioria do povo.

Meu post preferido é o do banheiro com a Dany! *-*

Abração!

Rodrigo Emanoel Fernandes disse...

Esse sim pareceu final de episódio de Lost, rssss...

( Gih ;p) disse...

CARALHOOOOOOO!

MEL!
COMO QUE VC FAZ ISSO.......
MEU CORAÇÃO....

MORRI!


Livro, já saiu, e ninguem me avisa? Nossa Noelly, tô muito brava..... Dexe baixo, esqueça aquela cerveja que eu te devia....
hauhauhauh ;p

Anônimo disse...

FAIL

- Tucca disse...

FODEEEEEEEEEEEEEEEO HAHAHAHAHAHA ' Ri bagarai depois dessa!

Depois quando eu olho numero, nome, texto do sms várias e várias vezes, o povo fica me chamando de surtada. Só sou previnida, rs.

Ps.: Manoooooola, muito obrigada mais uma vez pelos parabéns... Te amo demais, cara ♥

Cout disse...

OMG perfeito o post terminar assim, mas OMG e o que eu faço com a minha curiosidade????

J. Lee disse...

Ih, caralho. Essa coisa de "apertar enviar mecanicamente" fode com a gente... mas só os próximos episódios nos dirão se foi ruim ou menos mal! rs

/tenso

'duda disse...

NÃÃÃOOOO ACREDITOOOOO D:

aaaii e agora :~~~

maisss, mel!

Cris Ferreira disse...

PQP!!!
Mancada ever terminar assim!!!!

Foi pra quem meu??
Pro fer??
Pra própria Mia que não curtiu ela ter falado pra alguém das duas??

Pra quem???

o.o

Gabriela_Br disse...

P.... Mel como vc faz uma coisa dessa?
rsrsrsr

e agora se ela mandou pra quem estou pensando fudeu geral!!!!!!
rsrsrs

Dalyn disse...

O ruim do suspense num livro que não é físico é que você não pode virar a página e ler o resto, hahaha.

NP disse...

Pqpqpqp, ela mandou pro Fer?
Fuuuuuuu!

Lud disse...

A Cris me fez pensar sobre quem recebeu a mensagem ,, e se foi o Fer ela ta muito enrolada

Anônimo disse...

Certeza que ela mandou pro Fer ou pra Mia sem querer....Mas coitada da devassa...precisa contar pra alguém porque é foda viver o que está vivendo. MEl é assim: coisa boa aocntece entre devassa e mia e 100 coisas ruins despencam ao redor....to sofrendo....

Anônimo disse...

pois eh a Fm se ferrou...adoroooo

Duds disse...

FAAAAAAAAAAALA QUE NÃO É ISSO QUE EU ESTOU PENSANDO! pelamoooooor :S

Discípulas de Safo disse...

ADORO SEUS TEXTOS!

Boa noite, tudo bem?
Tomamos a liberdade de seguir seu blog, se não se importar.
Dá uma entrada no nosso pra conhecer!
Espero que goste e tenha boa leitura.
Ah! Debates e discussões temáticas são muito bem vindos.

Nosso Blog: http://discipulas-de-safo.blogspot.com/

Nossa página no facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100001627494899

Bú !! disse...

Ahhhh mell!! quero te dar uns tapas!!
PQQQQQ!?!!!!! auhauahuahah

bjsss

matt. disse...

Se ela mandou pro Fer, tá fodida. :(
Vou torcer pra que não...

ruka disse...

pro fer ia ser foda, mas mia na agenda fica bem mais perto de marina né.

Anônimo disse...

lógico que foi pra mia né? que é perto de marina. hahahah

J.Lee disse...

Caracoles! Agora a Cris me fez pensar tb.!! E se foi pro Fer??? Puta bosta se isso aconteceu pq...pq...pq dai tudo virou uma grande droga, e vai parecer um grande erro ela estar feliz, e ai a razão vai ter tomado e será um suicídio coletivo aqui no blog! rs

Nhaaa...não é justo! =\

(estou há 4 dias em crise! CADE O RESTO, PELOAMOR?!)

Pri Araújo disse...

Tava tudo perfeito e tranquilo demais pra ser a vida da Devassa, né?

Eu acho que a mensagem deve ter sido enviada pra Mia e não para o Fer. Não pode ser sido para o Fer, seria muita falta de sorte, meu.

Mudando de assunto, esses dias ouvi Enjoy The Silence e lembrei na Dani. Deu saudade... bons tempos aqueles que a Devassa não dormia. HAHAHAHA