- »

junho 02, 2010

Bochechas amassadas

_O que tá pensando aí? – eu perguntei para a Mia, olhando-a.
_Não sei... – ela respondeu, também deitada, sonolenta – ...só pensando.
_Hm, eles vão nos chutar daqui logo, logo...

Eu disse, aleatoriamente, mas a Mia parecia imersa em seus próprios pensamentos. Os seus olhos castanhos me observavam com aquela lassidão bêbada, como se levassem minutos para percorrer cada milímetro do meu rosto. Até reencontrarem os meus olhos.

_O que é “desde sempre”? – ela me perguntou, de repente.
_Desde sempre?!
_É. Você disse... lá fora... que queria me beijar “desde sempre”.
_Disse?! – indaguei, embriagada, tentando me lembrar quando tinha dito aquilo.
_Disse, sim... – ela riu, ainda encostada na mesa, e a moleza dela começou a me contagiar – O que cê quis dizer com isso?
_Sei lá... – eu ri, ainda sem lembrar – Acho que isso mesmo, o que eu disse.
_Mas... Não pode ser desde sempre...
_Por que não? – achei graça.
_Porque não faz tanto tempo que...
_Eu quis te beijar quando te vi no Starbucks – a interrompi, numa sinceridade bêbada – Foi quando o Fer te apresentou pra mim, pela primeira vez... – eu confessei calmamente, apaixonada, sem ideia do que estava fazendo – Você era maravilhosa. E assim que você abriu sua boca, que a gente começoua conversar e se dar tão bem, não sei, só foi piorando...
_Nossa, eu não lembrava do dia que te conheci.
_Obrigada pela parte que me toca, hein... – eu ri.
_Boba... não foi isso que eu quis dizer – ela riu também – Eu acho que só não lembro de como foi direito. Do que conversamos. Eu lembro do dia, mas não lembro o que pensei sobre você ou o que fizemos, sei lá. Você era só a mina que morava com o Fer e essa história de lésbica não colava muito para mim.
_Como assim? “Essa história”?!
_Ah, eu achava que era desculpa dele para eu não ficar com ciúmes.
_Mano... – eu tirei com ela – Que paranoica!

A Mia deu um sorriso envergonhado e eu ri, os seus olhos estavam meio à deriva. Haja tequila nessa menina. Eu lembrava de cada segundo do dia em que a conheci. Podia descrever a forma exata como o seu cabelo caía sobre o ombro, os sorrisos distraídos, cada vez que ela olhou na minha direção. Meu deus. Como eu invejei o Fernando naquele dia. Saí do Starbucks com uma sensação estranha, não entendia. Demorei para entender.

_Qual a primeira memória boa que você tem de mim? – murmurei – Você sabe?
_Hum... – a Mia pareceu pensar – ...para falar a verdade, acho que um dia que você me chamou no seu quarto. Que fumamos ouvindo Zappa, lembra disso?
_Mano... Foi, tipo, dois meses depois da gente se conhecer! – eu comecei a rir.
_Tá... Não é a primeeeira coisa que eu me lembro, mas é a primeira memória inteira, sabe? Acho que foi a primeira vez que eu conversei direito com você... Antes eu, sei lá, não ia muito com a sua cara. Você era a mina descoladinha que morava com o Fer, eu achava esquisito – ela explicou e eu ri, indignada – Mas naquele dia eu vi que você era gente boa. Achei que ia ficar lá plantada na sala até o Fer voltar e você foi tão legal comigo.
_Eu não estava sendo legal, eu queria te beijar... – brinquei.
_Né? – ela riu e bocejou, com os olhos já quase se fechando, como se o sono lhe tivesse batido assim de repente – Às vezes, eu sinto que é tão fácil ficar perto de você... eu gosto quando... a gente fica assim... pertinho.

Os olhos da Mia se fecharam, momentaneamente. Ela parecia tranquila, como se cochilasse na mesa, só um pouquinho, depois de uma noite com pausas de menos e tequilas de mais. Eu, por outro lado, continuava com os olhos bem abertos, olhando para ela. Sequer piscava, observando-a com o meu rosto também deitado na mesa, contente com o pouco que ela havia acabado de me dar. Ela me fazia bem sem perceber.

_Hmm... – ela abriu os olhos de novo, como se tivesse lembrado de algo para falar – antes que eu me esqueça: a She-Ra e o He-Man são irmãos, sim.
_O quê?! 
_Não discuta.
_Mas eles... Argh, tá. Ok, ok... – eu ri, convencida, achando graça no retorno inesperado do assunto – ...só que, olha, não conta para o Gabriel. Ele ia ficar insuportável... Sério, vamos manter essa informação só entre nós duas.

17 comentários:

camis disse...

'eu gosto quando você fica assim comigo, do meu lado'. que gracinha as duas! tô super apaixonada pelas duas! hahaha aguardarei os próximos posts =P

Sabrina disse...

gfm se faz de durona, mas no fundo é toda romântica e apaixonada... conheço gente assim... :P

Liz M. disse...

eu odeio como, em geral, minha vida atual acaba se parecendo com o que você tem escrito.

mas a "sua" Mia é muito mais malemolente, muito mais fofinha. embora os diálogos sejam (quase) os mesmos, a "minha Mia" faz tanto mas tanto doce que eu já não estou mais aguentando. (Fora que ela adora mandar sinais controversos ao extremo)

Ai ai ai... resolve minha vida também, Mel?! =x

(faltam 16 dias! ♥)

Anônimo disse...

Sabe... quando começei a ler esse blog, foi muito muito por acaso, depois de alguns post, pensei: poxa, é tão legal que poderia virar livro...depois de mais algum tempo, pensei: caramba! poderia virar filme... agora já penso que poderia virar uma série, dessas bem produzidas, com ótimos atores,já pensou...estou aqui, fantasiando com quem faria a Mia e GFM, bjs

Rodrigo Emanoel Fernandes disse...

Huauauauau!!!!! Não tinha lido esse post ainda quando comentei o anterior... "He-Man e She-Ra são irmãos sim, não discuta!" Adoro a Mia!!!!!

Anônimo disse...

nossa nao aguento mais, taficando chato isso já meu!

Xuhzin disse...

*¬* mia super xonads na FM sera sera seraaa?? xD
axo q sim...e ta megaa fofooo

e a she-ra e he-man nao sao irmaos..'-' apenas o mesmo criador...e o traçado MEGA igual.. xD

*¬* continua logooo???

Lu disse...

Não é possível... Pri, me salva... to virando team Mia!!! Que bunitinha! Mel, esse dialogo tá muito gracinha!

aninha disse...

ounnn... eu tb sinto essa paz quando estou com minha namorada linda!!

jamile disse...

ah que bonitinhas #) haha

Anônimo disse...

Eu não vejo problema ter tantos posts sobre a mesma noite. Ela é uma das mais (se não a mais) importantes e emocionantes da história.

É óbvio que tem que ser bem contada nos mínimos detalhes...

#teamMia com certeza :)

Pri Araújo disse...

Não, Lu. A protagonista também é bonitinha, só se faz de durona e isso é legal porque em momentos como esse descobrimos o quão meiga ela pode ser... hahaha

Desse jeito só ficaremos Noelly e eu no #TeamDevassa.

gee disse...

Own que fofinho!!
Não tem como acabar de ler sem ficar com um sorriso bobo no rosto!

Anônimo disse...

Também acho que tá ficando um pouco chato.

Lu disse...

Que é isso?!? #TeamDevassa forever... só simpatizei, manja?

catarina disse...

Que coisa mais linda! OMG, preciso de mais.

Anônimo disse...

Thanks very good for report, I follow your blog