- »

agosto 27, 2010

Fritando, fritando

“You come lookin’ at me / Like I’ve got to set you free / I can’t free nobody / She’s a woman / You know what I mean”, o radio gritava na nossa sala. Eu já havia perdido a noção do tempo há... há... quantas horas mesmo?! Há... Ah, que se dane.  Enquanto isso os meus pés brincavam descalços com os da Mia, lado a lado, e nós ríamos entretidas – ambos pares apoiados sobre o sofá, enquanto nós três encarávamos o teto. Deitados no chão, em fileira, eu e ela e depois o Fer, no tapete da sala de estar. “You better listen, listen to me / She’s gonna set you free”.

_Yeah, yeahhhhhh... – eu cantei de repente, empolgada, junto com a música. Os dois começaram a rir imediatamente de mim. Eu, por outro lado, estava chapada demais para me importar.

Ah, até que não é tão ruim assim... Estamos aqui... de boa... Todo mundo de boa... Ouvindo Wolf... Wolf, ahm... Wolfwoman... Não, mano... Não, não, não...“Woman” é a música, sua idiota... Wolf... Mother! Wolfmother!... É isso... É... A do cara estranho... Muito estranho... Ai, aquele cabelo... Credo... Não... Não dá, não dá... Não, espera, o que eu estava pensando antes?... De boa, é. Isso. Todo mundo de boa... Porra, o pé da Mia é bonitinho, né?... Vem cáá... Ai, não, faz cócegas, sai pra lá... Saiii... Sai!... Pronto. (...) essa luz é amarela demais, mano... Amarela demais... A gente devia trocar essa lâmpada, dói o olho... Se bem que... Eu nem ando ficando aqui... Tipo... Pra quê trocar?... Não, né, sacanagem... Tem o Fer... Regras de convivência... É necessário... Um pouquinho de compaixão nesse coração, garota... Hm, “compaixão”... Com... pai... xão... Espera, “compaixão”?... O que diabos eu estou falando, porra?... Nada a ver, mano... “Compaixão” não é a palavra certa... “Compaixão” quer dizer... Cara, “compaixão” é uma palavra?!... Com... pai... xão... “Compaixão”... Estranho... Aff... Eu tô chapada demais... Eu preciso parar de... Eita, aquilo é uma formiga na almofada?... Uma formiga?? Aqui??... Enfim, eu preciso... Eu preciso parar de fumar... Preciso parar de fumar, porra... Não, o problema foi que... É, eu não devia ter misturado... Foi o rum... O rum não me caiu bem... Ahh, é, aquilo é uma formiga... E, hmm, acho que a culpa foi daquele velho maldito... Boteco sujo de merda... Foi ele, certeza... filho da puta... Espera, onde a formiga vai?... Não, aí não... Formiga... Formiiiga... Você vai cair, mano, volta... Pro outro lado, pro outro lado... Não... Nããão... Aff, cala a boca, mano, ela não te escuta... Eu tô chapada. Sério. Chega de viajar.  Ai, mas... Aiii... Não... Formiga... Formiiiiga... Formiguiiinha... Aí não... Me escuta, porra!... espera, eu disse isso em voz alta?!... Hm, não... Acho que não... Ô formiga, caralho, volta pra cá!... Aí não... Não!... A almofada... vai acabar... Formiga... Formiiiiiga... Espera... Não, formigas não caem... Ou caem?

_Gente... formigas caem?
_Quê, mano? – ouvi o Fer perguntar, do outro lado da Mia.
_Tipo, se uma formiga está andando em cima de uma coisa e aí ela vira de ponta cabeça... ela cai?
_O que vira de ponta cabeça? – a Mia indagou – a coisa ou a formiga? Porque acho que depende.
_Não, a formiga. A coisa fica igual, mas... tipo, por baixo.
_Não cai – o Fer concluiu.
_Não cai? Como não cai? Não rola, sei lá, a força da gravidade? – perguntei, com um enorme interesse repentino no assunto.
_Não cai, meu... Nunca viu formiga descendo na parede?
_Não, mas isso é na vertical... Ela tá falando se ficar completamente de ponta cabeça... – a Mia interrompeu – ...eu acho que cai, meu.
_Que cai, amor?! Nada a ver! Elas têm, tipo, super patas!
_“Super patas”?? – ela olhou para ele e os dois começaram a rir.
_É, tipo os sapos, meu... Tem aquele negócio redondo na ponta e elas ficam grudadas... – ele explicava, fazendo mímicas com a mão, e nós duas observávamos atentas.
_Sapos não têm isso, só as rãs... – eu supus.
_Claro que os sapos têm!
_Sapo não anda no teto, só rã! Ou pererecas.
_Mas é o mesmo princípio.
_Cala a boca, mano, claro que não... Formigas têm patas finas! – a Mia contestou.
_Ah! Como você sabe, espertinha?! Já viu uma num telescópio, por um acaso?
_Não! Você já viu?? – ela retrucou.
_Microscópio, gente... – eu participei, modestamente.
_Não vi, mas eu sei que é assim.
_Você “sabe”? Como você sabe? Hm?! Há quanto tempo você sequer vê uma formiga, meu?
_Ah, não tanto tempo... é que tá frio, aí elas somem.
_É... – concordei, mais ou menos, sem entender direito.
_Nossa! Como era aquela história, meu?! – a Mia gritou, do nada, me chamando pela mão – lembra? Da formiga e a...
_Cigarra! A cigarra, não era? – eu a olhei, deitada ao seu lado.
_Era! “A Formiga e a Cigarra” – a Mia se animou e começou a rir junto comigo, achando uma graça imensurável na situação.
_Isso. Pode crer... – o Fer disse, do outro lado – ...a cigarra cantava, não era, e a formiga fazia todo o trampo e aí a outra vinha mendigar pra ela no final.
_É, é...
_Espera, espera. Eu tô confusa. O que eu tinha perguntado antes?

17 comentários:

Anônimo disse...

que descontraídos.
que gostoso.
queria tanto. =~

Rayssa disse...

Afinal, Formigas caem mel? hm'

e Ahn 'vem ca' a mia toda own HAUHAU adoro x3

e ain meu HAUHA o Fer é tao fofo x3 e a mia e ate a devassa ta um pouquinho HAUHA
acho digno
TeamMia, fica com os 2 *-*
HAUHAUHAUHAUHA aaaahn
(*) nao me bata x3

Monique Alberton disse...

AHAHAHHAHAHAHA eu ri horrores agora!
Formigas não caem! u.u (?) HAUSHU'

Anônimo disse...

ESSE FOI O MELHOR POST DE TODOS OS TEMPOS!!!!!!! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA RI DEMAIS.

Anônimo disse...

se eu tivesse lido esse post ontem teria medo do meu comentário. ainda bem que minha embriaguez e sono eram maiores se não vocês estariam lendo uma bíblia minha.

ririri

Monica disse...

okok

papoo de gnt chapada msm!


Mas q elas naum caem...elas naum caem ;)

Dea disse...

sábado, 10h30 da manhã, minha mãe na cozinha preparando o almoço, Paula Toller (L) no rádio e eu gargalhando horrores no meio da casa! esse foi o post mais engraçado, sem sombra de dúvidas! "(...) Me escuta, porra!... espera, eu disse isso em voz alta?" HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA! confessa, Mel, não eram só eles que estavam chapados, seja lá do que for!

viick ;p disse...

KAKOPSAKPOSKOPAOKPSOPAKKSOAOKPSKOPAPKOSPOKAOPKSKOPAOPKSOPKAOSKOAKOSA
cara, melhooooooooor post vei !
ri demais, demais.. kkkkkkkkkk

Glaucia disse...

Carã conversa de gente chapada msm...

Lembro-me de minhas bebemorações e de meus causos por ae...

Agora eis a questão: Formigas caem ou não caem? oÕ

NP disse...

PQP, COMO EU RI SHAUSHAUSHAUSHAUSHAUSHUAS

Ótimo post shaushau

Bastarda Inglória disse...

Formigas nao tem ventosas, elas tem "colinhas"nas patas, por isso ela nao caem..........

He, pois é, amei o post super 4:20 "coisa boa, de qualidade e procedencia meu, por confiar" hauhauha,......


"Xapralá".......

Marina disse...

Colinha eh tenso /\
Pelo mto q brinkei com formigas qdo criança, não lembro delas caindo, pra mim q não caem!
haushausaushausha
Posts fumados são mais divetidos =P

Thais disse...

hahahahahahahaha mto bom!!
Eu sempre tive conversas assim sem fumar nada.... imagina se fumasse!!!

jupiter disse...

- já viu uma num telescópio, por um acaso?
- não! você já viu?
- microscópio, gente...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
nunca pensei que no meio de tudo isso eu fosse me identificar logo com o fer, mas é...

' Jo disse...

Colinha? UASHUSHUHSU

Formigas não caem pq seu peso é desprezível pra força da gravidade =D


#EuRiDemais Desse post, minha piras são igualzinhas =x

ahhahaha

Noelly Castro disse...

heheheh quero 4:20

(comments anos dps, mas tava sem net poxa com tempo e velocidade)

aww!

RrRrrRr! ♥

Carol disse...

muito bom!!
Ri d+ aqui!!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk