- »

março 25, 2010

Domingo Legal

_Que porcaria é essa que você está assistindo? – o Fer perguntou de trás do sofá.
_Eu não sei e nem quero saber. O objetivo aqui é pura alienação – argumentei, abrindo uma cerveja.
_É, acho que vou me juntar a você – ele riu.
_Noite difícil?
_Você não faz idéia, mano – ele bufou, como se estivesse de saco cheio – não sei o que se passa com a Mia, porra, tá foda. Me largou aqui sozinho ontem, meu, foi embora sem falar nada! Você... Você não contou mesmo, não é?
_Hein?
_Da Júlia.
_Não, não contei.
_É, sei lá... Ela tá estranha.
_“Mulheres”, huh?
_É, mulheres... Enfim... E você, estava onde ontem? Nem vi você chegar...
_Na Marina.
_Na Marina? Vocês não... – ele começou a rir - ...deixa quieto, vai.
_Nem faz essa cara aí pra mim, eu não comi ela. Fui só pra conversar.
_Sei... – ele riu – ah! Aliás... A Roberta passou aí ontem.
_Jesus Cristo! Você está de brincadeira.
_Não, passou mesmo. Até tomamos umas brejas, eu disse que você não estava e ela ficou aí um tempinho pra ver se você aparecia. Foi embora lá pra meia noite ou uma da manhã... – eu sacudi a cabeça, desacreditando – fui dormir logo em seguida. Porra, você devia dar mais bola pra ela, meu... Puta mina gente boa.
_Não, não. Estou dando um tempo de mulher.
_Ah, claro. Você?! Até parece.
_É sério, meu... Pra mim, chega. E, além do que, a Rô pode ser ótima, mas é meio psicopata. Não quero me envolver com ela, dar trela... Já não era nem para ela ter vindo na quinta, puta merda do caralho que eu fui inventar. Agora ela está aí, me perseguindo de novo. Preciso parar com essas idéias idiotas.
_Como você é sensível, não...
_Falou o morador mais íntegro desse apartamento – eu ri – hein, ô adúltero-de-meia-tigela.
_Vai se foder.

Nós rimos e terminamos a cerveja juntos. No fim das contas, não era tão ruim estar no apartamento com o Fer: ele ainda era o Fer. O ruim mesmo era ter passado por uma noite horrível daquelas e não poder contar nada para ele. No entanto, não havia nada que eu pudesse fazer a não ser sentar quieta do seu lado, sem me entregar. E lá ficamos, os dois enfurnados na sala em pleno domingo à tarde, de bode pela mesma mulher.

11 comentários:

Mari disse...

A amizade é a coisa mais linda do mundo! ♥ Os dois na merda, mas mesmo assim rindo e o mais importante: Juntos! (:

Renatha Trindade disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tillya disse...

Como sempre...esse post é uma dádiva.
Pena que a FM, nao pegou mais a Mia...isso sim é excitante.

Lu disse...

Isso deve ser algum record para a FM, né... perder duas numa noite só!?

Kira! disse...

FM deveria deixar essa vida e ficar com o fer.





NÃO.
hahahah

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh desgraçada da Mia que não atendeu ela, to ainda na revolta!

Lu disse...

Sabe, acho que por mais que a FM tenha aprontado em toda sua vida...ninguém merece assistir Domingo Legal! Acho que ela chegou ao fundo do posso... depressão pra remédio controlado! Coitada! Snif...

Noelly Castro disse...

isso: "...por mais que a FM tenha aprontado em toda sua vida...ninguém merece assistir Domingo Legal! Acho que ela chegou ao fundo do posso..."
realmente Domingo Legal.. não da.. hehe

;)

sissi disse...

Balde de água fria.Em nós...

Juliana disse...

Huhuahauhuahauahauh!!!!!

FM escreve MAIS! hehhehe

Bjokasss

Marília Domingues disse...

Nossa!

Realmente parabéns!

Amei, amei, amei.
Amei tanto que sentei aqui ontem à noite e já são 05:30 da manhã de hoje.. rsrsr

Li o blog inteiro em algumas horas!
E estou ansiosa por mais!

Vc é uma escritora estupenda, que prende a atenção do leitor, eu que o diga, rsrs.

Agora vou dar um descanço para minhas costas, pq o tempo que passei aqui sentada parece que o que aconteceu foi "fucking Marília" rsrsrs.

Bjs!

amanda P. disse...

Hauahuha...

FM se *&#@?$%!)(...sempre!

Domingo infernal né...rs

=***