- »

abril 09, 2010

Manhã lenta

Senti as pernas mornas dela encostando no meu corpo, uma de cada lado da minha cintura, enquanto eu afundava o cabelo no meu travesseiro. Ela passou a mão lentamente pelas minhas costas, me arrepiando inteira, e eu tive vontade de me encolher, mas não me restava qualquer força para me mover. Estava acomodada, tranqüila, não queria sair dali. Senti suas coxas deslizarem pela minha pele e as pontas do seu cabelo fazendo curvas suaves em mim. De repente, um beijo. Inesperado. Daqueles que talvez pudessem passar despercebidos, que quase não se fazem sentir, de tão delicados.

_Quando foi... que você fez essa? – ouvi a Dani perguntar baixinho, por cima do meu ombro.
_Hmm?! – murmurei, afundada no travesseiro.
_A tatuagem – ela explicou e eu senti seus dedos desenharem lentamente no alto das minhas costas, no mesmo lugar em que há pouco ela me beijara – você não tinha ela na última vez que te vi.
_Do que você está falando? – eu murmurei impaciente, interrompendo, com preguiça de pensar ou conversar – vem aqui... vem...

Não ouvi nada por alguns segundos, sem resposta. Aos poucos, senti a Dani deitando-se ao meu lado na cama - bem aos poucos, quase como se ela não quisesse obedecer. Pelo movimento, supus que ela estivesse virada para cima, encarando o teto. O fato é que, após quase 24 horas sem dormir, eu me recusava a abrir os olhos. Eu estava cansada, física e emocionalmente. O meu dia e a minha noite e a manhã seguinte haviam sido surreais. E cansativos.

Depois de sobreviver a tudo aquilo - além de uma dose extra de sexo há pouco finalizada -, eu não tinha mais força ou disposição de lidar com as perguntas da Dani. Nada, zero. Ela, por outro lado, permanecia irritantemente desperta – apesar de estar mais delicada... isto é, agradecida. Tão agradecida que deitou-se ao meu lado, sem objeções, e ficou calada. Agora tudo o que eu queria era dormir.

_Qual é a sua com aquela garota? A Mia. – ela perguntou, quebrando o perfeito silêncio.
_Dani... sem perguntas complicadas – respondi, do meu do travesseiro, lenta e preguiçosa.
_Se você me perguntasse, eu diria que você sente alguma coisa por ela – ela sondou.
_Acredite: eu não estou perguntando...
_Hm... Mas você sente alguma coisa por ela, não sente?
_Dani... – eu resmunguei, cansada.
_Eu entenderia... digo, ela é gostosa – eu suspirei, ignorando-a, incomodada pela forma agressiva como a palavra “gostosa” parecia soar numa manhã calma e silenciosa – e essa Mia aí, você comeu ela?
_Por favor... Me deixa dormir... – reclamei, submersa na fronha.
_Pegou ou não pegou?
_Não é da sua conta.
_Pois eu aposto que você pegou! – ela continuou tagarelando, como se falasse sozinha, o que não estava muito longe da realidade – sabe por que? Porque você ficou insistindo demais hoje, sabe, lá na rua, querendo que ela dormisse aqui... Tipo, ficou mais incomodada do que deveria por ela ir embora e, afinal, que diferença fazia se ela ficasse ou não? Ela ia dormir com o teu amigo lá e você comigo aqui, de qualquer forma – e nesse ponto, eu comecei a considerar seriamente a hipótese de chutá-la da cama, tendo em vista que ela simplesmente não calava a boca – bom, ainda bem que não, né? Porque só faltava você me trocar para ir ficar com ela! A héterozinha que não sabe nem achar o meio das pernas de uma garota... francamente! Não que isso fosse acontecer... Não mesmo, nunca! Porque ela estava nitidamente magoada com você... Aliás, não sei como o seu amigo não percebeu - ela forçou um riso sarcástico - não, sério... me diz... você pegou ela, não pegou?
_“Sim”, “não”... Que diferença faz, meu?
_Só estou puxando assunto, oras...
_Puxando assunto, Dani? Daqui a pouco são 9 horas já e eu não dormi ainda! - eu reclamei, irritada, me enfiando mais ainda no travesseiro - porra, tava tudo tão bem até agora, tudo calmo, tranqüilo... Você realmente quer começar esse blá-blá-blá todo aí e estragar o clima, meu? Vamos dormir, poxa, eu tô cansada... Vai, vem cá.

Tateei o seu corpo, pegando-a pela cintura e puxei-a de costas para mim. Virei para o mesmo lado e entrelacei um dos meus braços nos dela, abraçando-a, enquanto o outro apoiava minha cabeça por debaixo do travesseiro. Para a minha surpresa, a Dani não se opôs e me abraçou de volta, quieta no seu canto. Não éramos muito de dormir de conchinha, eu e ela, mas àquela altura já havíamos esgotado toda a nossa cota de “distanciamento calculista” e eu estava cansada demais para prolongar a discussão. Silêncio, enfim.

(...)

_Dani... – eu cochichei, um tempo depois, inquieta.
_Hmm? – ela murmurou, quase dormindo.
_Você... – eu hesitei, sussurando – ...está com ciúmes?
_Acho que sim – ela lamentou, em seguida, baixinho.

E, sem que ela pudesse ver, eu abri os meus olhos.

20 comentários:

Érica disse...

Puuuuuuuutz grila!
olha eu nem ia comentar, eu disse "vou ler rapidinho e comento depois"
Mas pooooooo Mel, valeu realmente a pena esperar...
Tipo da ate pra se transportar pra cena de tantos detales que voce passa...
Esses ultimos então!! A Dani ta com ciumeeeee!! amei...
e olha que eu adoro a Mia, mas acabei de me apaixonar pela Dani!

Mandou muito Mel! :)
beijão!!

Anônimo disse...

oooooô adoro !

Bárbara F. disse...

Pela primeira vez eu me simpatizei com a protagonista. E essa Dani, to adorando ela. ;D

PriscieAraujo disse...

Ai, merda! Agora que a Dani está se rendendo, afinal ligou pra GFM avisando que viria pra SP, depois desistiu de dormir na casa da ex pra ficar com ela e agora tá com ciúmes da Mia, o relacionamento delas poderia dar certo, finalmente.
O único problema agora é que a GFM está apaixonada pela Mia.

A vida é muito injusta mesmo!

Anônimo disse...

vc eh brilhante, putaquepariu.

Kira! disse...

Olha, o que essa menina tem que todas querem ela?hahaha

Eu acho que ela deveria desencanar da Mia, e a Mia correr que nem besta atras dela. hahaha #prontofalei.



Beijo
=*

Xuhzin disse...

'-' lendo rapido antes do trampo..XD
e powww..valew a pena :D
\o\
a gente se transporta pra cena com os detalhes ,muitooo bomm XD

'-' dani paixonada pela GFM D: ow god
e ela inquieta D:
OW GOD X_X
'-'
vai ter surpresas por ai neha ??? !!!

Anônimo disse...

nosssaa!! mtoo bom.. perfeito o post .. me senti com a dani e fM na cama . hauha
bjs mel..

Anônimo disse...

parabens! a historia eh otima! primeira vez q tou comentando apesar de ler ha algum tempo..
mas soh pq tinha q dizer q apoio mto ela deixar a Mia e ficar com a Dani!!! ate eu apaixonei por ela.. Mia complicada d++! God! ninguem merece! ;p

;**

RaahXD disse...

huuum
1º olha to comentando *o* HAUHA e em um post aeaeaea T1
2º A D O R E I
3º em que sentido abriu os olhos? hm'
tipo "to dormindo acordei abri os olhos", ou no sentido figurado de "huuum interessante,pode dar certo"

estou ansiosa por mais *o* ( e pelo meu alemão mel, e pelo meu chocolate, e pela minha pinga #noellyhot)

Outro coisa posso falar, to simpatizando com a mia rs o fato desse joguinho agarrando o fer pra ela ficar com ciuminhos ganhou pontos comigo,Genta a mia é a maior jogadora ai *-*, se faz de dificil pra prender a menina, esnoba pq sabe que isso nunca falha, to virando fã da mia *-*

Liz M. disse...

Comento como alguém que leu isso as 7:30 da manhã, depois de dormir apenas 4 míseras horinhas (e, infelizmente, não foi por uma situação semelhante à essa): meldels! rsrs

Adoro quando seus posts são bem descritivos e detalhados. Não que eu não goste da ação, em si, mas - no formato literário - quanto mais detalhes melhor. =x

Lu disse...

Delícia de texto! Realmente faz a gente se transportar...senti o peso do corpo da FM, tava muito afim de chutar a Dani da cama e depois arregalei os olhos com a resposta dela...

Tatá disse...

Gostei tanto da Dani. E ela é DJ! POOONTOS PRA ELA.

Jaque disse...

Por que todo mundo torce pra protagonista ficar com alguem? Tipo acho evidente que ela n é mina de uma mulher só. POde ate amar mt alguem, mas é carraspana demais para se ligar num relacionamento bonitinho, pelo menos nessa fase da vida dela...e com certeza nao será a Mia que vai fazer ela "mudar" porque é ela que está mudando a Mia.

Besos

Lu disse...

Jaque, eu posso responder pq eu torço p/FM ficar com alguém: são os melhores textos. Quando ela tá com alguém a emoção do texto é tão estável quanto o mar em ressaca! Tudo pode acontecer... Por isso, torço pra ela pegar lista telefônica do Estado de São Paulo explorando todas as emoções.

Stella Polaris disse...

tô falando, é um bando de românticas inveteradas...

Amanda P. disse...

será que futuramente teremos um trio amoroso??
seria uma otima ideia....
mentes livres...e maldosas....ehehehehe!
=)

Lud disse...

Putz, até que enfim alguem resolveu dizer a esta garota umas verdades sobre esse lance dela com a Mia, agora pra ficar perfeito só falta ela ficar com a Dani e a Mia sentir ciúmes de verdade .. iusahdiuashd


Adorei o post ..=D

Lu disse...

Mas e o Fer Amanda P.?

Anônimo disse...

Mano, sério, nem li ainda, tô adorando o blog, só vim comentar que toda hora que você cita uma música, eu fico perplexa, você só coloca as minhas favoritas. Tô lendo desde às 13h e não parei até agora e nem tenho intenção de parar. (: